• Higienópolis 11 3667-5545
  • Pinheiros 11 3064-2528
  • 1199698-7613
Procedimentos Estéticos Corpo & Face

Tratamento para manchas na pele

As manchas são derivadas de alterações da quantidade de melanina na pele, podendo ser classificadas de duas formas:

  • hipercrômicas: manchas mais escuras que a cor da pele, com quantidade de melanina maior.
  • hipocrômicas: manchas mais claras que a cor da pele, com quantidade de melanina menor.

Causas

A exposição solar prolongada ou sem proteção adequada é o fator mais comum para a causa das manchas. Fora isso, a gravidez, alterações hormonais, envelhecimento, propensão genética, doenças e marcas de acnes também contribuem para o surgimento de manchas na pele.

Os tipos de manchas mais comuns são a melanose solar (manchas senis), o melasma, as efélides (sardas) e os nevos (pintas).

Melasma

Mancha escura de tonalidade castanha e contorno irregular. Este é o tipo mais comum de mancha na pele e surge em decorrência do abuso à luz solar, problemas hormonais e predisposição genética. Por ser uma doença crônica, precisa ser tratada continuamente. Aparece, principalmente, na testa, nas maçãs do rosto e acima dos lábios.

Tipos de melasma:

  • melasma epidérmico: quando há depósito aumentado de pigmento por meio da epiderme (camada mais superficial da pele).
  • melasma dérmico: caracterizado pelo depósito de melanina ao redor dos vasos superficiais e profundos.
  • misto: quando se tem excesso de pigmento na epiderme e na derme.

Melanose solar

A melanose solar ou manchas senis são decorrentes de danos provocados pelos raios solares ao longo do tempo. Possuem coloração castanha ou marrom, são arredondadas e pequenas. Normalmente, surgem no rosto, nas mãos, nos braços, no colo e nos ombros. Esse tipo de mancha surge a partir dos 40 anos e são mais visíveis em quem tem a pele clara.

Nevos

Os nevos ou pintas são pequenas manchas marrons regulares na pele. Podem ser elevadas ou não e, a maioria delas, surge em decorrência da exposição solar ou são de nascença.

Efélides

As efélides ou sardas são manchas e pintas causadas pelo aumento da melanina, principal pigmento que dá cor à nossa pele. Normalmente, há uma propensão familiar e surgem mais nas pessoas de pele clara ou ruivas. A face, ombros e colo, áreas mais atingidas por queimaduras solares, são as que apresentam maior quantidade de sardas. A exposição continuada da pele ao sol tende a escurecer ainda mais as manchas.

Manchas causadas por lesões

Acne, queimaduras e machucados podem acabar manchando a pele. A princípio são rosadas, podendo tornar-se castanhas, pois o organismo deposita melanina nos locais na inflamação, principalmente em pessoas morenas ou bronzeadas.

Manchas em áreas sensíveis

O uso de desodorantes e a depilação com cera, por exemplo, podem causar dermatite de contato e, consequentemente, manchar a pele. O escurecimento da pele é mais visível em áreas como as axilas, buço, parte interna das coxas e virilha.

Manchas causadas pela gravidez

Devido à variação hormonal ou à predisposição genética, as mulheres ficam mais suscetíveis ao aparecimento de manchas no rosto e no corpo.

Tratamentos

Existem diversos tipos de tratamento para as manchas, que vão desde o uso de medicamentos tópicos e orais, de cremes clareadores domésticos, até a aplicação de ácidos como os peelings, tratamento com laser e luz pulsada. Os nossos especialistas indicam o procedimento mais adequado de acordo com o caso do paciente.

Contato

Deseja marcar sua consulta? Informações, sugestões ou críticas? Mande uma mensagem ou entre em contato. Ouvir o que tem a nos dizer é muito importante para o aperfeiçoamento do nosso trabalho!

Agende sua consulta

11 99698-7613

Agende sua consulta

11 99698-7613

Higienópolis - São Paulo

Av. Angélica 916, conj. 1002 e 1005
Tel.: 11 3667-5545 | 3666-3140

Pinheiros - São Paulo

Rua João Moura 627, conj 63
Tel.: 11 3064-2528 | 3083-3115

Agende sua consulta